Turistando em Florianópolis (SC)

Lembrai-me de que foi recíproco

Teu Adeus

Marejando

20
fevereiro
2017

Pura ilusão

 
Andava em um beco escuro procurando por mim mesmo, ansiando preencher o vazio do meu peito. Foi quando, sem ao menos perceber, você me chamou! Sua voz ecoou. Absorto em pensamentos, despertei. Pela primeira vez me sentia completo, todos os sentimentos blasés se foram. Planejava o futuro e eu a via ao meu lado. O meu erro foi amar seus defeitos.
 
Era como um veneno entrando em meu sistema, uma droga a qual estava viciado, quanto mais eu morria, mais queria viver ao seu lado, um irônico masoquismo sentimental. Mas aí, acordei e você não estava ao meu lado. Aturdido, corria perscrutando o mundo a minha volta, sentindo a lágrima pingar do meu queixo ao ter de aceitar que nunca a teria de volta. Foi quando notei meu outro erro, amar você mais que a mim mesmo; ter preenchido meu vazio com sua alma.
 
Precisei de alguns meses para me curar, não sei o que tinha na cabeça! Mas, hoje eu sei, antes de amar terceiros, tenho de me amar. Hoje sigo sozinho, mas bem sei que é passageiro! No entanto quando tiver alguém ao meu lado, será a pessoa certa…

Você também pode gostar de ler:

Comente sobre isso:

Deixe seu comentário

1 Comentário

  • sabrina santos
    25 fevereiro, 2017

    Que texto lindo! Além do blog ser maravilhoso também! Amo esses textos de reflexão, tem uns bem tristes, quando leio fico mais triste ainda. e ooutros que ajudam a refletir. Beijos! http://www.charmedemenina34.blogspot.com

  • © 2019 Palavras Ambulantes • Desenvolvido com por