O que declarar sobre o filme “A culpa é das Estrelas”?


Eu nunca vi uma forma de amor tão linda como o filme oferece algo doce e angelical, inocente e frágil... Tão frágil quanto os personagens. É um filme lindamente triste e foi feito para fazer você chorar. Não adianta dizer que não, mesmo as pessoas mais sérias terão seu coração tocado pelo doce amor entre Hazel Grace e Augustus Waters. A história narra a vida dos dois adolescentes, ambos com câncer e com um número infinito para viverem. Bom, alguns infinitos são maiores que os outros, e eles não tiveram muito tempo para compartilhar e aproveitar, mas podemos afirmar com toda a certeza que cada minuto valeu a pena. Tanto para eles quanto para nós. A história é emocionante, mas ninguém aqui quer saber a sinopse do filme até por que a maioria já leu o livro. O fato é por que esse filme tocou milhares de pessoas? 

Uns dizem que é meio clichê a história... mas deixar de ver o filme? Jamais! Quando eu assisti ao filme eu já sentia o nervosismo tomar conta, era muita ansiedade para uma pessoa só, então quando vi a primeira cena deles juntos no “Coração de Cristo” eu tive certeza que choraria feito uma criança. O jeito que ele olhava para ela e ela com aquela cara de “Por que você está olhando pra mim? Pare agora!”, aii meu coração! Qualquer garota sonha com aquele olhar. Augustus Waters mostra-se em todas as formas ser o garoto perfeito.




Toda fã de ACEDE tem o sonho de um dia poder ser a Hazel de algum Augustus perdido por ai, quem sabe ele não esteja fazendo uma quimioterapia ou uma fisioterapia antes do encontro? Augustus tem todas as qualidades necessárias que qualquer garoto devia ter (obrigatoriamente!), mas no fim descobrimos que essa perfeição toda durou pouquíssimo tempo tanto para ele, quanto para Hazel. No final das contas Augustus conseguiu superar seu medo de ser esquecido, mas seria muito bom ver como seria a reação dele ao souber que ele sempre será lembrado, e desta vez não só por Hazel e sua família e sim por todos nós. 

Hazel, não sei se poderia dizer que ela é sortuda, mesmo tendo o amor eterno de Augustus, ela continua doente e não sabemos por mais quanto tempo ela ficará entre nós para lembrarmo-nos dele. Nunca teremos a chance de saber o que acontece com ela, mas creio eu que a vida a surpreenderá assim como fez quando ela conheceu Augustus. Eu queria poder dizer a ela que foi lindo o elogio fúnebre e na minha humilde opinião nunca alguém irá superar algo tão profundo e triste quanto o que ela dedicou ao Augustus. Eu realmente nunca pensei que a matemática poderia ser tão romântica e encantadora, já que para mim ela só gosta de complicar as coisas, principalmente quando estivermos falando de minha vida. Eu confesso que chorei muito, chorei ao vê-la chorar, chorei ao vê-la sorrir e irei chorar ao relembrar das cenas marcantes que ela e Augustus passaram juntos.

Ahhh Hazel Grace, eu devia mesmo é agradecer mesmo por ter o prazer de ver sua trágica história de amor, agradecer também por mostrar que há esperança sempre, mesmo quando você desacredita de tudo... Conseqüência de estar morrendo aos poucos. Mas não se precisa estar doente para morrer aos poucos, às vezes você vai definhando, todo dia morre um pouco. Um dia morre o psicológico, outro o dia a coragem, outro dia o amor e assim chega um dia em que a fé da pessoa falece e ai é que vem o grande problema, não há no que acreditar então de onde sairá nossos desejos? Como serão formados nossos sonhos? Como surgirá o amor? Pois é cara Hazel, qualquer dia deveríamos tomar um champagne e contar as estrelas, quem sabe não encontramos Augustus em alguma constelação? Não precisa pedir autorização para seus médicos de plantão, já temos um álibi, qualquer coisa... A culpa é das estrelas!

O.K?!  

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Eu vi o filme, sinceramente não fiquei tão triste, nãos ei se foi pq tinha uma menina quase morrendo de tanto chorar atras de mim que me tirou a concentração kk' mas mesmo assim gostei do filme é lindo!

    byanak.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uahsuahsuah O cinema estava lotado de pessoas assim (inclusive eu!) mas faz parte :')

      Excluir
  2. Dica maravilhosa amei
    Novo Vídeo: https://www.youtube.com/user/NekitaReis/channels
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, fico feliz que tenha gostado! Beijos

      Excluir
  3. Li o livro e depois assisti ao filme no cinema. Cara, chorei litrooooos, dava pra encher um rio com as minhas lágrimas kkkk chorei do inicio ao fim!!!
    cinthiacalado.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha Eu também chorei bastante, mas havia uma mulher atrás de mim que chorava sem parar, ela até soluçava. <3

      Excluir

♡ Comente sobre a postagem, sua opinião é muito importante!
♡ Seguindo, segue de volta? Claro, basta comentar nos posts;
♡ Aceito afiliações, caso deseje entre em contato pela página "Contato" ou pelo e-mail: contato@palavrasambulantes.com
♡ Sem grosserias! Comentários maldosos serão apagados;

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...